cronograma

Outubro, Novembro e Dezembro.

A artista visual e pesquisadora Lílian Amaral abordará o tema “Paisagem Revelada: A Percepção e o caminhar como prática Estética. Cartografias, Percursos, Territórios” em setembro. Na oportunidade o artista multimídia Rogério Nagaoka – membro do Espaço Coringa -ministrará workshop abordando mediações da arte no espaço público por meio da imagem fotográfica.

Em outubro o tema dos encontros será “Arqueologia da Memória: uma micro-história no tempo e no espaço, com participação da Sônia Maria Freitas, Doutora em História Social/USP, especialista em História Oral pela
Universidade de Essex, Grã-Bretanha. ex-pesquisadora e curadora do Memorial do Imigrante e André Costa, documentarista, professor da FAAP e diretor do Olhar Periférico.

No mês de novembro os encontros abordarão os “Imaginários Urbanos: mediações entre história pública e imagens privadas”, com André Costa e Lilian Amaral.

Eventos de Abertura da Casa da Memória – Núcleo da Memória Audiovisual da Paisagem Humana de Paranapiacaba.

Dezembro – “24 Horas: Una Linea en la Ciudad. Interações artísticas e não-artísticas no espaço público”, com a participação de Daniel Toso, Lílian Amaral, Rogério Nagaoka, André Costa, da bióloga e artista visual norte-americana Katherine Bash, do coletivo Entretantos, Fora do Eixo, do grupo de Pesquisa da UnB Corpos Informáticos, coordenado por Bia Medeiros e representantes da comunidade de artistas e não-artistas de Paranapiacaba.

Ciclo de vídeos abordará relações entre Arte, Memória, Cidade e Identidade, prevista para a abertura da Casa da Memória,  uma parceria com curadoria de Solange Farkas da Associação Videobrasil.

Mesa redonda discutirá panorama de relações nas “Práticas Colaborativas e Mediações da Arte:  Por uma Cartografia da Memória.  Espaços em Transito e Lugares de Experiências”, com participação de Ana Mae Barbosa, Profa. Livre docente da ECA/USP, Priscila Arantes, crítica, teórica, pesquisadora e curadora no campo da arte contemporânea e tecnológica, Profa. da Graduação e Pós-Graduação em Arte e Tecnologia da PUC-SP e do Centro Universitário Senac e Diretora técnica do Paço das Artes, Maria Adélia de Souza, Geógrafa, Profa. Livre docente da FFLCH/USP e Presidente do Territorial, Edgard de Assis Carvalho, Antropólogo, Prof. Livre-Docente do Curso de Pós-Graduação em Ciências Sociais da PUC-SP, Coordenador do Núcleo da Complexidade e Ex-presidente do Condephaat, Arquiteto. José Saia, representante regional do IPHAN/SP e Paula Caetano, diretora da Casa do Olhar, Santo André/SP.

Estruturados a partir do projeto colaborativo, interdisciplinar e processual, os resultados decorrentes dos workshops, palestras e investigações irão integrar o banco de dados, acervo da Casa da Memória, a ser inaugurada em Dezembro. O Projeto Colaborativo Casa da Memória – Núcleo da Memória Audiovisual da Paisagem Humana de Paranapiacaba, integrante do Museu a Céu Aberto é uma realização da Subprefeitura de Paranapiacaba e Parque Andreense, da prefeitura de Santo André, estado de São Paulo, Brasil.

Anúncios

1 Response to “cronograma”


  1. 1 Ludmila 20 maio, 2008 às 3:25 am

    Olá Lilian.

    achei extremamente interessante o projeto de vcs. Sou graduada em História e sempre atuei em centros de memória. Como vai o projeto? Qual a proxima etapa de vcs?
    Desejo sucesso.
    Abraços


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s





%d blogueiros gostam disto: