HISTÓRIA ORAL: EM BUSCA DE NOSSAS RAÍZES

Profa. Dra. Sônia Maria Freitas

O curso tem por objetivo abordar a potencialidade e as diferentes possibilidades da história oral em seus aspectos teóricos, metodológicos e práticos.

É inegável a dimensão que o debate sobre a história oral vem assumindo nas ciências sociais, principalmente por sua abrangência pedagógica e interdisciplinar e por sua importância na interpretação das representações sociais e do conteúdo simbólico. Destaca-se aqui a reconstrução da memória através da valorização do vivido. O recurso de fontes orais não é tão simples como a maioria dos pesquisadores imaginam, pois isso implica na utilização de metodologia específica.

Nesse sentido, o curso destaca as possibilidades da história oral na produção de conhecimento, em projetos comunitários, Museus e outras instituições, na prática didática entre outras. É nosso intuito incentivar o desenvolvimento de projetos de história oral pelo grupo, buscando a reconstrução da memória da cidade.

PLANO DE TRABALHO
1. História Oral: definição, a história da história oral, historiografia e história oral.
Tradição oral X História de Vida X História Oral Temática.
Diferenciação conceitual e metodológica.
Apresentação de vídeo

2. A realização de uma pesquisa utilizando o método da História Oral pressupõe a necessidade de um conjunto de orientações. A partir de uma perspectiva metodológica e prática, apresentaremos as etapas necessárias para a realização de projeto de pesquisa dessa natureza:
. Projeto
. Pesquisa
. Roteiro
. Técnicas de entrevista
. Uso de gravador, vídeo, máquina fotográfica, etc.
. Medidas pós-entrevista
. Produtos e sub-produtos da pesquisa
. Catalogação e armazenamento
Nesta etapa, os participantes deverão desenvolver roteiros e realizar entrevistas com pessoas do próprio grupo.

3. Apresentação de material produzido pelas equipes, seguido de análise.

4 Gravação de depoimentos ao vivo com moradores antigos da Vila de Paranapiacaba, com intuito de valorizar e incentivar o resgate da história local. Análise dos depoimentos pelo grupo: questões teóricas e práticas.
BIBLIOGRAFIA

. ALBERTI, Verena. A Experiência do CPDOC. Rio de Janeiro, FGV/CPDOC, 1989.
. BOSI, Eclea. Memória e Sociedade: Lembranças de Velhos. São Paulo: T. A. Queiroz, 1979.
. FERREIRA, Marieta de Moraes (Coord.). Entre-Vistas: abordagens e usos da História Oral. Rio de Janeiro: FVG/CPDOC, 1994.
. FREITAS, Sônia Maria de. Reminiscências. São Paulo: Editora Maltese, 1993.
. ________________________. História Oral: possibilidades e procedimentos. São Paulo, Humanitas/USP e Imprensa Oficial, 2002.
. _________________________. Presença Portuguesa em São Paulo.
Imprensa Oficial/Memorial do Imigrante, 2006.
. MEIHY, J. C. B., LEVINE, Robert M. Cinderela Negra: a saga de Carolina Maria de Jesus. Rio de Janeiro: Editora UFRJ, 1994.

. _____________. (org.) Re-Introduzindo a história oral no Brasil. São Paulo: Xamã, 1996.
. PASSERINI, Luisa. “Mitobiografia em História Oral”. In: Projeto História 10, São Paulo: EDUC, 1993.
. PERELMUTTER, Daisy, ANTONACCI, Maria Antonieta. Ética e História Oral. São Paulo; EDUC, 1981. (Projeto História 15)
. Portellli, Alessandro. “Sonhos Ucrônicos. Memória e possíveis mundos dos trabalhadores”. In: Projeto História 10, São Paulo: EDUC, 1993
. QUEIROZ, Maria Isaura P. de. “Relatos Orais: do ‘indizível’ ao ‘dizível’, In: Ciência e Cultura, 239(3), pp. 272-286.
. THOMPSON, Paul. A Voz do Passado: História Oral. São Paulo: Paz e Terra, 1992.

Anúncios

2 Responses to “HISTÓRIA ORAL: EM BUSCA DE NOSSAS RAÍZES”


  1. 1 Albina Cusmanich Ayala 22 novembro, 2007 às 2:55 am

    Querida Sônia,

    Super obrigado pelas aulas maravilhosas e, principalmente, a generosidade de nos oferecer seus ensinamentos e experiências. Estou lendo ávidamente o seu Manual e animadíssima na possibilidade de realizar entrevistas com as pessoas deste lugar encantado que é Paranapiacaba.

    Beijos no coração
    Albina Cusmanich Ayala
    Agente da Memória de Paranapiacaba

  2. 2 KATIA MULLER 11 janeiro, 2010 às 9:37 am

    olá , gostaria de ter mais informacoes sobre história Oral em paranapiacaba.

    estou a procura de primos de minha avó.

    sei que minha bisavó paterna foi enterrada no cemitério da cidade.


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s





%d blogueiros gostam disto: